9º Dia - Folga em Ushuaia

Hoje é dia 15 de fevereiro de 2013, depois de 8 dias de viagem e curtição de estradas e um pouco de visitas a parques naturais. Decidimos tirar o dia para fazer “Nada”…só curtir a bela paisagem e o comércio de Ushuaia.

Acordamos mais tarde, fomos os últimos a tomar o café da manhã e saímos para rodar a pé, pela cidade.  Ushuaia, é pequena em relação a outras cidades turísticas que já visitei. Apesar do porto e da movimentação constante de conteiners, a rua do comércio não se estende por mais de 8 ou 10 quadras.

O Hotel, extremamente bem localizado a meia quadra desta rua, nos permitiu dar uma folga às motos, e curtir calmamente cada vitrine e loja da região.

Fomos aconselhados a comer o “Cordeiro Patagônico” no restaurante La Estancia…desaconselho a todos, apesar da comida ser espetacular, o Atendimento é paupérrimo e o Garçom “Apesar das escusas” deixou-nos almoçar sem servir bebidas, que simplesmente “esqueceu”! É pracabá…Mas o assador é de uma simpatia ímpar, algo que se salva!

Iniciando os Trabalhos - Cordeiro Patagônico

Vista do Porto Turístico 
Junto a Nave Mãe…para iniciar a conversa! Olhem o Boteco a frente
 Logo a frente do Hotel fica o Porto turístico, onde podemos pegar barcos para navegar no Canal de Beagle e ver o Farol (bastante sem graça) e a ilha dos pinguins e leões marinhos (super legal). Mas, o mais interessante e emocionante é navegar pelo Canal que os GRANDES NAVEGADORES transpassaram séculos atras, sob condições de equipamentos bastante rudimentares.




Na rua do comércio, uma parada para contemplar a Nave Mãe da Quilmes (cerveja Argentina…preferencia nacional!). Ao fundo um boteco literalmente falando, com características de ser muito bom…pena que não deu tempo para apreciar as “guloseimas e bebedeiras” oferecidas…mas volto para conferir. 



Centolla…King Creb, como queiram. O Bicho é grande bom pra caramba
A Centolla, ou King Creb..é um espetáculo, juntamente com o Cordeiro Patagônico e a Merluza Negra formam o Trio Virato da cozinha local. Todos que vem, tem por obrigação “estatutária e regimental”de provar estas maravilhas da natureza.





Aproveitamos para comprar uns Regallos, e voltamos para o Hotel…onde dediquei a parte da tarde para tomar um belíssimo Chardonay nacional, e escrever no Blog. tudo no bar do próprio hotel, que alem de maravilhoso, oferecia gratuitamente a vista pata o Porto de Ushuaia.











0 comentários: